Associação Portuguesa de Professores de Educação Física
Base de dados
Seleccione o tipo de documento:
Conheça as regras da nossa base de dados e envie os seus trabalhos.

Programas EF
Curso Tecnológico de Desporto - Programa de práticas desportivas e recreativas 10º e 11º anos

O plano curricular do Curso Tecnológico de Desporto engloba, para além da componente de Formação Geral, comum a todos os cursos, a componente de Formação Científica e a componente de Formação Tecnológica. A componente de Formação Científica é constituída pelas disciplinas de Matemática B e Biologia Humana. A componente de Formação Tecnológica integra as disciplinas de Psicologia A, Organização e Desenvolvimento Desportivo e Práticas Desportivas e Recreativas, e ainda a Área Tecnológica Integrada, no 12º ano, onde estão engl (...)

Autor: Ministério da Educação - Departamento do Ensino Secundário

[ Detalhes ]
Inserido em 11-02-2005 e visualizado 115 vezes.


Curso Tecnológico de Desporto - Projecto de Programa de Práticas de Organização Desportiva - 12º ano

O plano curricular do Curso Tecnológico de Desporto engloba, para além da componente de Formação Geral, comum a todos os cursos, a componente de Formação Científica e a componente de Formação Tecnológica. A componente de Formação Científica é constituída pelas disciplinas de Matemática B e Biologia Humana. A componente de Formação Tecnológica integra as disciplinas de Psicologia A, Organização e Desenvolvimento Desportivo e Práticas Desportivas e Recreativas, e ainda a Área Tecnológica Integrada, no 12º ano, onde estão eng (...)

Autor: Ministério da Educação - Departamento do Ensino Secundário

[ Detalhes ]
Inserido em 12-02-2005 e visualizado 102 vezes.


Cursos Científico-Humanísticos e Cursos Tecnológicos - 10º, 11º e 12º anos

O presente programa, resultante da revisão curricular operada no ensino secundário, procede apenas a pequenos ajustamentos no anterior programa. Tal facto resulta de um entendimento partilhado por diferentes entidades quanto à sua correcção e ao seu papel como factor de desenvolvimento da Educação Física, papel esse ainda longe de esgotar as suas virtualidades. Apesar das condições materiais se terem alterado com algum significado na última década, e de, no quadro normativo da presente revisão, a Educação Física ver consagr (...)

Autor: Ministério da Educação - Departamento do Ensino Secundário

[ Detalhes ]
Inserido em 12-02-2005 e visualizado 172 vezes.


Organização Curricular e Programas (Expressão e Educação Físico-Motora - 1.º Ciclo)

Com a entrada em vigor do Decreto-Lei n.º 6/2001, de 18 de Janeiro, da Declaração de Rectificação n.º 4-A/2001, de 28 de Fevereiro e do Decreto-Lei n.º 209/2002, de 17 de Outubro, que estabelecem os princípios orientadores da Organização e Gestão Curriculares do Ensino Básico, torna-se necessário introduzir algumas alterações ao documento “Organização Curricular e Programas” — 1.º Ciclo do Ensino Básico. Esta necessidade é ainda reforçada pelo facto de ter sido publicado o documento “Currículo Nacional do Ensino Básico (...)

Autor: Ministério da Educação

[ Detalhes ]
Inserido em 09-04-2006 e visualizado 475 vezes.


Organização Curricular e Programas do 1º Ciclo

Com a entrada em vigor do Decreto-Lei n.º 6/2001, de 18 de Janeiro, da Declaração de Rectificação n.º 4-A/2001, de 28 de Fevereiro e do Decreto-Lei n.º 209/2002, de 17 de Outubro, que estabelecem os princípios orientadores da Organização e Gestão Curriculares do Ensino Básico, torna-se necessário introduzir algumas alterações ao documento “Organização Curricular e Programas” — 1.º Ciclo do Ensino Básico. Esta necessidade é ainda reforçada pelo facto de ter sido publicado o documento “Currículo Nacional do Ensino Básico — C (...)

Autor: Ministério da Educação

[ Detalhes ]
Inserido em 09-04-2006 e visualizado 243 vezes.


Programa de Educação Física do 3º Ciclo do Ensino Básico

Estes programas foram concebidos como um instrumento necessário para que a educação física das crianças e jovens ganhe o reconhecimento que carece, deixando de ser vista, por um lado, como mera catarse emocional, através do exercício físico vigoroso, ou, por outro lado, como animação/orientação de (alguns) jovens «naturalmente dotados» para se tornarem artistas da perfomance desportiva.

Autor: Ministério da Educação

[ Detalhes ]
Inserido em 21-02-2005 e visualizado 292 vezes.


Programa de Generalização do Ensino do Inglês nos 3.º e 4.º Anos e de Outras Actividades de Enriquecimento Curricular no 1.º Ciclo do Ensino Básico

O Programa de Generalização do Ensino de Inglês e de Outras Actividades de Enriquecimento Curricular, que apesar da sua juventude já se popularizou sob a designação de AEC, foi criado pelo Despacho da Ministra da Educação nº 12.591, de 16 de Junho de 2006 e surge na sequência da experiência obtida no ano lectivo de 2005/2006 com o Programa de Generalização do Ensino do Inglês nos 3º e 4º anos de escolaridade, inserindo-se na prioridade dada pelo Governo à melhoria das condições de ensino e aprendizagem no 1º ciclo do ensino (...)

Autor: Ministério da Educação

[ Detalhes ]
Inserido em 14-03-2007 e visualizado 36 vezes.


Programa Desporto Escolar

A prática desportiva nas escolas, para além de um dever decorrente do quadro normativo vigente no sistema de ensino, constitui um instrumento de grande relevo e utilidade no combate ao insucesso escolar e de melhoria da qualidade do ensino e da aprendizagem. Complementarmente, o Desporto Escolar promove estilos de vida saudáveis que contribuem para a formação equilibrada dos alunos e permitem o desenvolvimento da prática desportiva em Portugal. O Programa do Desporto Escolar para o presente ano lectivo reforça os mecanismo (...)

Autor: DSDEAPS – Desporto Escolar

[ Detalhes ]
Inserido em 15-03-2007 e visualizado 56 vezes.


Tese de Licenciatura
A Relação entre a Aptidão Cardiorespiratória e a Tensão arterial em indivíduos do sexo masculino dos 8 aos 9 anos.

O propósito deste trabalho é averiguar se há alguma relação entre a aptidão cardiorespiratória e a Tensão arterial. Ou seja, verificar se há possibilidade de descobrir crianças com TA elevadas através da avaliação da aptidão cardiorespiratória, no sentido de iniciar a prevenção da hipertensão. A amostra deste estudo é constituída por 48 crianças do sexo masculino dos 8 aos 9 anos de idade, estudantes na região do Grande Porto. Os resultados deste estudo não foram totalmente esclarecedores, eles mostram que há uma relação pos (...)

Autor: Marco Portela

[ Detalhes ]
Inserido em 19-02-2005 e visualizado 69 vezes.


Comparação dos Valores de Consumo Máximo de Oxigénio Obtidos no Teste VV20, de Luc-Léger, em Hóquei em Patins

O Hóquei em Patins é um desporto de equipa com uma grande exigência física, técnica, e táctica, dependente das capacidades condicionais e coordenativas dos atletas, as quais se podem alterar com o treino. A capacidade aeróbia dos sujeitos é determinada através da medição do consumo máximo de oxigénio. Este depende da capacidade do sistema cardiovascular em fornecer sangue oxigenado aos músculos em trabalho e da capacidade das células em utilizar o oxigénio para a produção de energia. O objectivo deste estudo é a avaliação da (...)

Autor: Nuno Ferrão

[ Detalhes ]
Inserido em 22-02-2005 e visualizado 46 vezes.


| 1 | 2 | 3 |
Utilizadores

User 

Pass 

Login automático
Recuperar password
ou mail de activação
Registar
Pesquisa
Links
Área dos Associados
Divulgue!
Inserir Documento
Contacte-nos!
Centro de Formação
Parcerias
Amnistia Internacional
Mais parcerias »


 

(c) 2017 APPEFis

Entidade acreditada pelo
c
onselho científico-pedagógico da formação contínua
Registo: CCPFC/ENT-AP-0257/08